Marca do Crea-SP para impressão
Disponível em <https://www.creasp.org.br/area-tecnologica-na-midia-19-a-23-07-2021/>.
Acesso em 27/07/2021 às 22h55.

Área Tecnológica na Mídia – 19 a 23/07/2021

Confira as notícias da semana

23 de julho de 2021, às 13h45 - Tempo de leitura aproximado: 16 minutos


23/07/2021: Cafés especiais / Combate a incêndios florestais / Financiamento para startups / Abastecimento de água para a Grande São Paulo / Setor elétrico / Usina nuclear na China


O estado de São Paulo é reconhecido como um dos mais tradicionais no cultivo de café no país. Entre os anos de 2019/2020, a cultura do café registrou a produção de 370 mil toneladas (6,17 milhões de sacas de 60 kg), volume 39,7% superior ao obtido na safra anterior. Diante desta demanda, o Senar-SP está oferece cursos ligados à cafeicultura, como por exemplo: Manejo e tratos culturais; Cultivares de Arábica; Colheita e beneficiamento; e Instalação da lavoura e café na gastronomia, informa o Canal Rural.

 

O ministério da Justiça lançou um plano nacional com o foco no combate contra incêndios em florestas, destaca o Canal Rural. A Operação Guardiões do Bioma vai contar com a atuação de 6 mil profissionais na prevenção, repressão e investigação de casos relacionados a queimadas e outros crimes ambientais na Amazônia, no Cerrado e no Pantanal. Segundo o ministro da Justiça, Anderson Torres, todos os estados e o Distrito Federal vão oferecer profissionais especializados para participar da operação em apoio aos estados onde a situação é mais crítica.

 

A Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado de São Paulo (Fapesp) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) investirão R$ 150 milhões em startups de base tecnológica e científica em São Paulo, destaca reportagem do site Tele.Síntese. O projeto pretende apoiar pelo menos 35 startups por ano que serão selecionadas com base em no mínimo dois editais no período. O programa terá a duração de seis anos com um orçamento de R$ 30 milhões nos primeiros cinco anos, enquanto o último servirá para prestação de contas e encerramento das atividades.

 

De acordo com um prognóstico feito pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), o Sistema Cantareira, destinado a captação e tratamento de água para a Grande São Paulo, pode terminar o ano operando com menos de 30% de sua capacidade, relata reportagem do G1. O volume igual ou abaixo de 30% caracteriza a fase de alerta para a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). Para ser considerado normal, o índice de um reservatório tem de estar com pelo menos 60% de sua capacidade. Os Reservatórios Alto Tietê e Guarapiranga também operam com volumes menores do que em 2013, ano pré-crise. Especialista diz que a situação aponta para nova crise de abastecimento em 2022, mas a Sabesp nega risco e diz que o abastecimento está mais ‘resiliente’ após as obras de transposição.

 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) recebeu 28 contribuições na segunda fase da consulta pública aberta com o objetivo de revisar os modelos computacionais do setor elétrico, relata reportagem do Broadcast. Entre as geradoras de energia, os principais grupos apresentaram contribuições. De modo geral, as sugestões indicam que as mudanças nos modelos devem acontecer visando a adequação dos despachos das usinas à realidade do sistema, incluindo menor exposição ao risco de falta de chuvas. Este é um dos principais problemas apontados por técnicos e especialistas do setor.

 

A companhia de energia francesa Electricite de France (EDF) que é coproprietária de uma usina nuclear na China alega que pode fechá-la devido a danos nas barras de combustível. Contudo, a empresa ressalta que a decisão em última instância depende do operador chinês da usina. Para a coproprietária francesa da fábrica, há ‘ameaça radiológica iminente’, relata reportagem da CNN Brasil. O porta-voz da EDF disse, na quinta-feira (22), que “não era uma situação de emergência” na Usina Nuclear de Taishan, localizada na província de Guangdong, no sul da China, mas que se tratava de uma “situação grave que está evoluindo”.

 

 


22/07/2021: Defensivos biológicos / Capacitação profissional / Novo trem / Curso gratuito de Phyton / Segurança digital


O Ministério da Agricultura publicou na quarta-feira (21) duas novas especificações de referência (ER) para o registro de defensivos que podem ser usados na agricultura orgânica e nos demais sistemas de cultivo, informa o Broadcast. Segundo a nota divulgada pela pasta, com a publicação, o Mapa atinge a marca histórica de 50 ER e cria mais oportunidades para que empresas interessadas disponibilizem novidades no mercado por meio de um processo de registro simplificado. Os dois ingredientes ativos registrados são os agentes biológicos de controle Trichospilus diatraeae (ER 49) e Palmistichus elaeisis (ER 50), que atuam sobre um alvo biológico também estreante em ER, a Thyrinteina arnobia, conhecida como lagarta-de-cor-parda.

 

Uma pesquisa recente da ManageEngine, chamada ‘Pesquisa de Preparo Digital 2021’, levantou dados relevantes sobre como os profissionais de TI e as empresas se adaptaram e ampliaram seus investimentos em tecnologia em decorrência da pandemia covid-19, destaca reportagem do site Ti Inside. Uma das conclusões é que 94% dos profissionais tiveram que aprender sobre novas tecnologias, dos quais 48% dos entrevistados afirmaram que estavam ligados ao trabalho remoto e 42% afirmaram que as adaptações necessárias foram focadas na segurança. Outra percepção (84%) dos mais de 1.200 entrevistados globais é que o trabalho remoto colocou desafios adicionais à segurança da informação.

 

Autoridades chinesas apresentaram um trem considerado o veículo mais rápido do mundo, relata reportagem do G1. A tecnologia, chamada “maglev”, permite que o veículo alcance a velocidade de 600 km/h. O trem utiliza força eletromagnética para “levitar” sobre os trilhos. Uma viagem entre Xangai e Pequim com este trem levaria apenas 2,5 horas para rodar os 1.000 quilômetros de distância. A China tem usado a tecnologia por quase duas décadas em uma escala muito limitada. Xangai tem uma pequena linha “maglev” que vai de um de seus aeroportos até a cidade.

 

A SoulCode Academy, startup brasileira de atuação com foco em educação, inclusão digital e impacto social, lançou um novo curso gratuito, em parceria com o Google Cloud, em engenharia de dados em programação Phyton, informa o site Olhar Digital. Com 50 vagas abertas, o bootcamp é destinado a pessoas que desejam iniciar uma carreira em funções relacionadas à infraestrutura em nuvem, desenvolvimento de aplicativos ligados à nuvem e engenharia de dados. O curso começará em 30 de agosto, em formato online e com aulas ao vivo. Os candidatos devem ter mais de 18 anos e estar desempregados ou ter horários flexíveis, uma vez que as aulas ocorrerão de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, durante 12 semanas.

 

A empresa ClearSale divulgou um levantamento, chamado Mapa da Fraude, revelando que só nos primeiros seis meses de 2021 foram registradas 2,6 milhões de transações digitais potencialmente fraudulentas, relata reportagem do site Ti Inside. Para traçar este mapeamento, a empresa analisou mais de mais de 182 milhões transações, considerando apenas pagamentos via cartão de crédito. Segundo o estudo, os fraudadores atuaram com força depois que a maior parte das pessoas entrou em isolamento social em 2020 e passou a fazer mais compras pela internet. A categoria de produto mais fraudado é a dos celulares, respondendo por 5,1% das tentativas de fraude, seguido por produtos eletrônicos (4,9%) e games (4,2%).

 

 


21/07/2021: Exportação de milho / Sinal de 5G / Conectividade em ferrovias / Projeto da aeronave mais rápida do mundo / Proteção de dados / Combustíveis


As exportações de milho do Brasil podem atingir o menor volume em 10 anos, informa o Canal Rural. Diante da quebra na casa dos 20% para o milho safrinha, o país vem racionando as vendas externas. No acumulado do ano até a terceira semana de julho, as exportações de milho somam apenas 4,28 milhões de toneladas, um número bem abaixo das 34,4 milhões de toneladas embarcadas em 2020. Diante da quebra na segunda safra o desafio é saber se o Brasil terá capacidade para atingir a marca de 20 milhões de toneladas exportadas. Caso não consiga, o país deve registrar a menor marca desde 2012, quando foram embarcadas pouco mais de 19 milhões de toneladas. No sentido contrário, as importações do cereal mostram uma tendência de alta.

 

Mesmo antes da realização do leilão 5G, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) homologou um equipamento brasileiro que bloqueia sinais de celulares, inclusive de quinta geração, em presídios, informa o site Teletime. A Plataforma Brasileira 5G de Bloqueio de Sinais de Radiocomunicações, desenvolvido pela Neger Telecom, teve seu certificado de homologação emitido no início desta semana pela agência reguladora. Segundo a empresa, o sistema que bloqueia sinais de celulares em presídios e áreas de segurança foi submetido a diversos testes nos laboratórios do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

 

A Embratel e a Nokia irão fornecer soluções digitais e de conectividade para a Rumo, operadora de ferrovias do Brasil, relata o site Tele.Síntese. A companhia busca conectividade nos percursos em que opera, abrangendo os estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Goiás e Tocantins. O projeto inicial contempla 300 locomotivas e deverá alcançar todas as mil composições da companhia ferroviária. As soluções fazem parte de um movimento no segmento para ter veículos cada vez mais autônomos na tomada de decisões. Os serviços englobam Data Center, Nuvem, Wi-Fi, conexão 4G – LTE e rádio P2P. Incluem ainda gestão e monitoramento de equipamento em ferrovias.

 

Na corrida internacional para produzir aeronaves cada vez mais rápidas, a China dispara na frente com o desenvolvimento de um novo modelo que deverá atingir seis vezes a velocidade do som, tornando-se o mais rápido do mundo, relata reportagem do site Olhar Digital. O cronograma do projeto, realizado pelo Instituto de Tecnologia de Pequim e pelo Instituto de Engenharia de Sistemas de Naves Espaciais, prevê que a aeronave pode começar a operar em 14 anos, no ano de 2035, com capacidade para transportar até dez pessoas. Em mais dez anos, 2045, a ideia é transportar até 100 pessoas.

 

O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), braço operacional do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) assinaram na terça-feira (20) um Acordo de Cooperação para fortalecer a cultura de proteção de dados no país, informa o site Ti Inside. O primeiro resultado dessa parceria já pode ser visto: o lançamento de dois fascículos da Cartilha de Segurança para Internet, que abordam os temas Proteção de Dados e Vazamento de Dados. A cartilha pode ser acessada por meio de um site próprio e apresenta informações sobre como adotar uma postura preventiva, usar os mecanismos de segurança adequados e conhecer um pouco a legislação vigente, para ajudar o usuário a coibir abusos e garantir seus direitos.

 

Reportagem do G1 destaca que os resíduos da cana-de-açúcar podem ser utilizados para a produção de energia elétrica e até um combustível substituto do diesel. O Brasil é o maior produtor mundial do setor, que tem ampliado as alternativas de fontes renováveis a partir de subprodutos como palha, bagaço, vinhaça e torta de filtro, parte sólida da filtração do caldo da cana. Segundo avaliação do CBiogás, instituto de pesquisas de energias limpas, as usinas brasileiras, que já apresentam um papel importante na redução de poluentes, a partir da produção do etanol, já podem assumir um novo posto com a possibilidade de produzir combustível para veículos pesados, como caminhões e ônibus. Isso é possível a partir do biometano, um biocombustível que pode substituir o diesel e o gás natural.

 

 


20/07/2021: Exportações em junho / Desmatamento / Edifício sede da Petrobras / Fazenda online / Cigarrinha do milho


Uma análise feita pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) com base nos dados do Ministério da Economia, apontam que as exportações do agro somaram US$ 12,1 bilhões em junho de 2021, alta de 25% na comparação em relação ao mesmo período de 2020, informa o Canal Rural. O desempenho mensal foi favorecido pela manutenção do movimento de alta nos preços das commodities. O setor respondeu por 43,1% do total exportado pelo Brasil em junho. No primeiro semestre, as vendas externas alcançaram US$ 61,5 bilhões, incremento de 20,8% na comparação com os primeiros seis meses do ano passado.

 

Dados do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) apontam que Amazônia Legal brasileira registrou 8.381 km² de desmatamento no acumulado dos últimos 11 meses, de agosto de 2020 até junho de 2021, a maior devastação para o período em dez anos, relata o G1. O desmatamento nos últimos 11 meses também é 51% maior que o registrado no período anterior, de agosto de 2019 a junho de 2020, quando o bioma apresentou 5.533 km² de devastação. Considerando somente o acumulado deste ano, de janeiro a junho de 2021, a floresta perdeu uma área de 4.014 km², a maior taxa de desmatamento para um primeiro semestre registrado na última década, relata o Imazon.

 

A Petrobras decidiu promover a primeira reforma completa do seu edifício sede no Centro do Rio, considerado um ícone da arquitetura nacional, informa o Broadcast. No auge das obras, estão previstos cerca de 1.600 pessoas trabalhando na reforma. A fase de desocupação do prédio foi concluída e a desmontagem dos ambientes internos foi iniciada esta semana. Segundo a estatal, a revitalização do prédio dará lugar a um ambiente “moderno, sustentável e com design inclusivo”. Não foi divulgada a previsão de gastos. Planeja-se também a criação de um espaço de coworking para receber startups. “A Petrobras está investindo em projetos inovadores e em novas formas de trabalho para alavancar a colaboração e a experimentação de seu qualificado corpo técnico”, afirmou a empresa por meio de nota.

 

A empresa chinesa de robótica Webull Intelligent Technology apresentou a 20 jornalistas seu protótipo de fazenda online, também chamada de “ghost farm”, informa o site AG|Evolution. O pomar-conceito cultiva pêssegos e combina diversas tecnologias para permitir manejo totalmente online e até 70% menos mão de obra. Entre os recursos utilizados no empreendimento estão robôs, drones, trator autônomo, dados em nuvem, sensores e softwares de inteligência artificial e visão computacional. Segundo a empresa, o objetivo é aumentar a renda do agricultor e obter soluções inteligentes pois uma produção agrícola eficiente e inteligente tornou-se um desafio.

 

Uma pesquisa inédita realizada por cientistas da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade de São Paulo (Esalq-USP), da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e da Universidade de Copenhague (KU), na Dinamarca, desenvolveu um bioinseticida natural capaz de controlar a cigarrinha-do-milho (Dalbulus maidis). O estudo tem como objetivo controlar as pragas na lavoura de milho de maneira sustentável, através da manipulação de fungos, informa o Canal Rural.

 

 


19/07/2021: Centro de pesquisa em transporte ferroviário / Bioinsumos / Incentivo a startups / Transmissão de dados /
Transformação digital / Semicondutores / Fireday


O setor de transporte ferroviário terá um polo de inovação destinado ao desenvolvimento de pesquisas e projetos que contribuam para o crescimento do modal no país, relata o Canal Rural. O projeto foi iniciado na quinta-feira (15) com o lançamento do Centro de Excelência em Tecnologia Ferroviária (CETF), que será instalado em Anápolis (GO). O protocolo de intenções assinado pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, e pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, prevê a cessão de um local pelo governo goiano e o apoio técnico e acadêmico para a execução das atividades por parte do ministério.

 

A área coberta por bioinsumos no Brasil cresceu mais de oito vezes desde 2016, saltando de 3% para 25% neste ano, informa reportagem publicada no site AG|Evolution. A informação da Croplife Brasil atesta o rápido aumento do uso dos biológicos como produtos capazes de trazer resultados positivos e sustentáveis em diferentes culturas. As aplicações visam desde nutrição de plantas, por meio de inoculantes e fertilizantes, até controle de pragas, sejam insetos, fungos, vírus ou bactérias nocivos às lavouras. A preocupação com a qualidade biológica do solo é a nova revolução da biotecnologia agrícola, no entanto, ainda é um grande desafio aliar essa inovação com os usos dos solos ao longo dos anos de cultivo.

 

A Shell Brasil vai selecionar dez startups para um processo de mentoria e aceleração de três meses, dentro do seu programa Shell StartUp Engine, que já é aplicado pela empresa na França, Inglaterra e Cingapura, e agora chega no Brasil, informa reportagem do Broadcast. O objetivo do projeto é selecionar empreendimentos que resolvam negócios inovadores nas categorias de economia circular do plástico, acesso a novas energias e cidades inteligentes. As inscrições para o programa estão abertas até o dia 16 de agosto.

 

Um projeto do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação (NICT) do Japão entrou para lista de recordes mundiais ao se consagrar com a maior velocidade de transmissão de dados, relata o site Olhar Digital. O estudo desenvolvido no NICT alcançou a velocidade de 319 terabites por segundo (Tb/s) por meio de um cabo óptico com mais de 3 mil quilômetros. A fibra óptica utilizada possui quatro núcleos acoplados que permitem reduzir a distorção do sinal em longas distâncias. Os dados transmitidos utilizam uma tecnologia denominada multiplexação por divisão de comprimento por onda. Neste esquema, um laser emite o sinal que é dividido em 552 canais e os envia pelos quatro núcleos da fibra óptica.

 

O Mapa de Digitalização das Micro e Pequenas Empresas Brasileiras (MPEs), uma pesquisa realizada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV), revelou que 66% das MPEs estão nos níveis 1 e 2 de maturidade digital, sendo 18% analógicas (nível 1) e 48% emergentes (nível 2). Só 3% são consideradas líderes digitais (nível 4), e 30% estão na etapa intermediária (nível 3). O levantamento mediu o grau de implementação de 25 boas práticas digitais e da utilização de tecnologias habilitadoras nas companhias entrevistadas. O estudo aponta que a média de maturidade digital das micro e pequenas empresas brasileiras é de 40,77 pontos, em uma escala que varia de 0 a 100 pontos, sendo 0 nada digital e 100 totalmente digital, relata reportagem do site Ti Inside.

 

A TSMC, fabricante taiwanesa do ramo de semicondutores, trabalha para diminuir a crise global com a falta de semicondutores. A empresa anunciou que a sua fabricação de chips deve ter uma retomada ainda neste trimestre, após o investimento de quase US$ 3 bilhões para ampliar as linhas de produção, informa o site Olhar Digital. A empresa confirmou que vai priorizar as encomendas feitas pela Apple e pelas empresas montadoras de automóveis inteligentes, ampliando o volume de entrega de chips para esse setor em 60%.

 

Na próxima quarta-feira (21), o Blog da Engenharia realiza o o 1º Workshop de Prevenção e Controle a Incêndio. O evento, que será transmitido ao vivo, gratuito e com certificado de participação, vai acontecer por meio do site e também no Instagram do veículo. Está prevista a participação de especialistas no assunto para abordar de forma interativa os conteúdos sobre PPCI e mercado de trabalho. As inscrições estão abertas.

 

 

Produção: CDI Comunicação Corporativa

Edição: Equipe de Comunicação Corporativa e Estratégica / GDEP