Brasil. República Federativa do Brasil
Notícias RSS

contraste

separador

Cidades Inteligentes foi o tema da primeira palestra do Fórum em 2019

Até novembro programação mensal deve incluir grandes nomes da Engenharia e Agronomia

O Crea-SP realizou na tarde de quarta-feira (15), no auditório da Sede Angélica, a primeira reunião do ano dos Fóruns de Entidades de Classe e Instituições de Ensino, que adotam em 2019 o tema “Estratégias da Engenharia e Agronomia para o Desenvolvimento Tecnológico no Brasil do Século XXI”. Para a abertura do ciclo anual de reuniões foram convidados o gerente de negócios da Telefônica Brasil Vivo, Rubens Higa, e o especialista em tecnologia da empresa, Eduardo Cleim Piovani, que proferiu palestra sobre o tema “Cidades Inteligentes e Inovações Tecnológicas”.


Auditório lotado na palestra da Vivo: cerca de 150 conselheiros representantes de municípios do Estado


O Fórum é uma iniciativa das Diretorias de Educação e de Entidades de Classe do Crea-SP para promover a atualização de conhecimentos e o aprimoramento profissional dos integrantes do Plenário. Suas reuniões antecedem às plenárias mensais e têm como objetivo trazer novos conteúdos ao público presente, convidando autoridades em diversos assuntos de interesse da área tecnológica, que trazem valiosa contribuição para o aprimoramento das nossas atividades.

Na mesa de abertura dos trabalhos (foto acima), a Diretora de Entidades de Classe do Crea-SP, Engenheira Ana Meire Coelho Figueiredo; o Presidente do Crea-SP, Eng. Vinicius Marchese Marinelli; o Gerente de Negócios da Telefônica Brasil Vivo, Rubens Higa; e o Coordenador do Colégio de Entidades Regionais de São Paulo – CDER-SP, Eng. Mamede Abou Dehn Junior.

Em breve pronunciamento, a Engenheira Ana Meire lembrou aos conselheiros e outros profissionais que lotaram o Plenário as competências dos diretores de Educação e de Entidades de Classe estabelecidas pelo Regimento do Crea-SP. “É nossa missão – afirmou a diretora – propor ações que visem à gestão e a coordenação das representações do Crea-SP nos órgãos externos, o inter-relacionamento das modalidades e dos diferentes níveis de formação profissional, e a valorização profissional em sentido amplo”. Ana Meire destacou ainda que “desde junho de 2011 o Crea-SP promove essas reuniões conjuntas, incorporando, mais recentemente, a colaboração do CDER-SP”. "Estamos preparando uma programação até novembro que, certamente, agradará a todos" - informou Ana Meire.


Presidente Vinicius anunciou a primeira transmissão ao vivo do Fórum pelo canal do Conselho no Youtube


O presidente do Conselho também fez uso da palavra para anunciar a grande novidade do Fórum: a primeira transmissão ao vivo – e na íntegra – pelo canal do Crea-SP no Youtube. “A partir de agora – afirmou Vinicius – os profissionais também poderão acompanhar esses conteúdos a distância, o que é muito importante para a atualização de seus conhecimentos”.

 

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR AO VÍDEO DA PALESTRA.

 

Cidades inteligentes

Segundo o palestrante da Telefonica Brasil Vivo, Eduardo Piovani, cidade inteligente é o lugar onde os cidadãos desfrutam de melhor qualidade de vida, recursos sustentáveis, arquitetura e urbanismo planejados, com aplicação de alta tecnologia em mobilidade urbana, meio ambiente, educação, saúde, segurança e outras necessidades da população. Os cases apresentados em sua exposição não tratam apenas da segurança pública ou segurança particular dos indivíduos, além da preservação do patrimônio. “Trata-se de economia e eficiência na gestão de serviços públicos e privados” – afirmou Eduardo. É essa eficiência, na análise do palestrante, que faz a qualidade de vida na cidade.


Acima, Eduardo Cleim Piovani, Especialista em Tecnologia da Telefônica Brasil Vivo, proferindo palestra sobre Smart Cities no plenário do Crea-SP

 

A implantação de cidades inteligentes objetiva melhor suporte na gestão pública (melhoria dos serviços prestados aos cidadãos), melhor produtividade e eficiência dos departamentos e órgãos públicos, desburocratização (alívio na papelada burocrática), redução de custos (principalmente os chamados custos invisíveis, os mais perigosos para o custo da administração), aumento da credibilidade e reputação dos administradores públicos, etc.

Um dos cases de compreensão mais imediata por parte da população refere-se aos serviços de água e esgoto que podem ser beneficiados pela tecnologia: aplicativos de uso cotidiano podem agilizar, com segurança de informação, soluções para vazamentos, religação de água, reclamações gerais, ligação de esgoto, instalação de hidrômetro, solicitação de informações, denúncias de irregularidades, cortes e outras demandas.

 

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A ÍNTEGRA DA PALESTRA.

 

Após apresentação, os representantes responderam a questionamentos do público


Como de praxe, os palestrantes convidados recebem do Crea-SP seus certificados de participação


Produzido pelo Departamento de Comunicação e Eventos - DCEV
Reportagem: Jorn. Guilherme Monteiro.
Fotos: Claudio Porto - Estagiário de Jornalismo.


  • compartilhar
  • Enviar por e-mail
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Linkedin
índice de notícias

Exibir notícias por:

Institucional

Fiscalização

Tecnologia

Clipping










Crea-SP

Av. Brigadeiro Faria Lima, 1059

Pinheiros • São Paulo • SP • CEP 01452-920

Atendimento: 0800-17-18-11