Brasil. República Federativa do Brasil
Notícias RSS

contraste

separador

Lideranças da Engenharia Florestal reunidas em SP

Encontro da Coordenadoria nacional terá duração de três dias

Reunidos em São Paulo até a sexta-feira, 18 de maio, integrantes da Coordenadoria de Câmaras Especializadas de Engenharia Florestal – CCEEF deram início, no dia 16, aos trabalhos que estão sendo conduzidos pelo coordenador nacional, Eng. Ftal. José Roberto da Silva (CREA-PE), e seu adjunto, Eng. Ftal. Rafael de Souza Macêdo (CREA-RO), no segundo encontro do grupo neste ano.

Existem atualmente apenas sete Câmaras Especializadas da modalidade no Sistema Confea/Crea: Rio Grande do Sul (a primeira), Mato Grosso, Santa Catarina, Pernambuco, Rondônia, Amapá e Rio de Janeiro. “Para a escolha dos locais dessas reuniões, priorizamos justamente os Estados que não têm Câmara, mas que têm potencial para a sua criação”, destacou o coordenador nacional, também coordenador da recém-criada Câmara Especializada em Pernambuco, informando que o próximo encontro acontecerá na Bahia, “por ser um Estado com uma indústria florestal pujante e onde também não temos Câmara Especializada”.
 

Além de representantes de Creas de todo o país, também participam do encontro o Conselheiro Federal Eng. Agr. João Bosco de Andrade Lima Filho (CREA-SE) e o Superintendente de Colegiados do Crea-SP, Eng. Alim. Gumercindo Ferreira, que recepcionou os visitantes.



Representando o Crea-SP estão os Conselheiros Eng. Ftal. Maria Ângela de Castro Panzieri, Karla Borelli Rocha e José Renato Cordaço, e o Eng. Agr. Fábio Olivieri de Nobile, Coordenador da Câmara Especializada de Agronomia.

A pauta é extensa para os três dias do encontro. “Vamos discutir formas de minimizar os conflitos existentes com outros Conselhos, principalmente com o de Biologia, que tem uma resolução com praticamente todas as nossas atribuições e de outras modalidades do Sistema; a questão dos conhecimentos mínimos curriculares para a atribuição de Engenharia Florestal, como arborização urbana, manejo florestal e silvicultura; o impacto da saída dos técnicos do Sistema; e, por recomendação do próprio Confea, faremos o levantamento da análise de processos de infração por acobertamento, uma demanda do Ministério Público, cuja detecção é um grande problema”, relatou o Eng. Ftal. José Roberto.



Na ocasião, aconteceu a posse da Diretoria Executiva da Sociedade Brasileira de Engenharia Florestal – SBEF, entidade que está completando 50 anos de existência. Aos eleitos Presidente, Eng. Ftal. João Paulo Sarmento, e Vice-Presidente, Eng. Ftal. Maurício Balensiefer, para a gestão 2018-2020, juntaram-se o Chefe de Gabinete do Confea, Eng. Agr. Luiz Antônio Rossafa; o Presidente do Crea-SP, Eng. Vinicius Marchese Marinelli; o Coordenador da CCEEF e o Cons. Fed. João Bosco.



No último dia de reunião, o grupo fará uma visita técnica a uma das maiores fábricas de celulose do mundo, a Fibria Celulose, localizada em Jacareí.

“Esperamos sair daqui com a certeza de que, em breve, será criada a Câmara Especializada em São Paulo, pois o Estado é o motor do País e tem uma Engenharia Florestal muito forte. Precisamos nos unir em torno dessa ideia, pois isso permite uma visibilidade maior dentro do Sistema e, consequentemente, uma fiscalização mais eficiente das nossas atribuições, inclusive abre caminho para o mercado de trabalho, que é isso de que a gente tanto precisa”, finalizou o coordenador nacional.

Produzido pelo Departamento de Comunicação do Crea-SP

Reportagem e fotos: Jornalista Perácio de Melo – DCO/SUPCEV


  • compartilhar
  • Enviar por e-mail
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Orkut
índice de notícias

Exibir notícias por:

Institucional

Fiscalização

Tecnologia

Clipping










Crea-SP

Av. Brigadeiro Faria Lima, 1059

Pinheiros • São Paulo • SP • CEP 01452-920

Atendimento: 0800-17-18-11