Livros e Publicações

w380_h480__memoria_historica.jpg__publicacao-img

Memória Histórica da Capitania de São Paulo: edição e estudo

Esta é a primeira vez que o livro manuscrito de Manuel Cardoso de Abreu, datado de 1796, é publicado em edição crítica. Renata Ferreira da Costa fez a transcrição semidiplomática da obra – objeto de sua dissertação de mestrado – e uma detalhada análise do seu conteúdo. A estudiosa observou aspectos de conteúdo material, formal, histórico e principalmente linguístico do texto, e incluiu um glossário dos termos utilizados pelo autor. O códice, ou manuscrito original da obra, faz parte do acervo do Arquivo Público do Estado de São Paulo. Tem 323 páginas e está em ótimo estado de conservação. No livro, Manuel Cardoso de Abreu faz um levantamento da história da Capitania de São Paulo – antes chamada de São Vicente – desde sua fundação até o ano de 1796. O manuscrito chegou a ser considerado apógrafo (ou seja, cópia) pelo historiador Afonso d’Escragnole Taunay, uma vez que toma como base as obras de Frei Gaspar da Madre de Deus e Pedro Taques de Almeida Paes Leme, e às vezes até transcreve trechos delas. Mesmo assim, caracteriza-se como importante produto historiográfico de uma época, possuindo grande riqueza histórico-social e linguística.

Edição Completa: http://www.arquivoestado.sp.gov.br/site/publicacoes/memoria_ebook/ver/memoria-historica-da-capitania-de-sao-paulo-edicao-e-estudo-