Livros e Publicações

educacao_inclusiva

Educação Inclusiva e Violência nas Escolas

/

Em todos os povos tem-se registro histórico quanto a pessoas com
deficiência. Em determinadas culturas, matar ou abandonar pessoas
com deficiência e entregues à própria sorte, era postura socialmente
aceita. A clássica obra de Victor Hugo, O Corcunda de Notre Dame (1831),
mesmo sendo ficção literária expressava valores da época medieval
quanto aos maus-tratos a pessoas com deficiência. O avanço civilizatório
dos tempos atuais, especialmente nos aspectos morais, éticos e políticos
põe na pauta das transformações sociais o inadiável processo de inclusão
social de pessoas com deficiência. Através das obras Utopia (1516) e
Cidade do Sol (1623), Thomas More e Tommasio Campanela foram os
primeiros autores da literatura clássica a sinalizarem a inclusão social
irrestrita para pessoas com deficiência. A exclusão destes segmentos é
milenar. A dívida social para com eles parece ultrapassar a de qualquer
outro segmento historicamente excluído, especialmente quando se
soma a condição deficiência à falta das mínimas condições de vida.